Cachorro Fox Paulistinha aprenda mais sobre a raça

56 Comentários »
 


Transporte

 


Cama cães

   
O Fox Paulistinha é uma das raças originárias do Brasil, mas assim como o Fila Brasileiro, a origem ainda tem ponto escuros.

Hoje falaremos um pouco da história do Fox Paulistinha, o comportamento e outros critérios.

HISTÓRICO

Os ancestrais do Terrier Brasileiro não são originários do Brasil. No século 19 e começo do século 20, muitos jovens brasileiros estudavam em universidades européias, especialmente, na França e Inglaterra. Estes jovens freqüentemente retornavam casados e suas esposas traziam com elas um cão pequeno do tipo Terrier.

Os jovens brasileiros e suas famílias voltavam para as fazendas de onde tinham saído. O cãozinho se adaptou à vida da fazenda e acasalou­-se com cães e cadelas locais. Assim, um novo tipo se formou e o fenótipo (aparência) foi fixado em poucas gerações. Com o desenvolvimento das grandes cidades, os fazendeiros, com suas famílias e empregados foram atraídos pelos grandes centros urbanos. Desta forma o pequeno cão sofreu outra mudança de ambiente.

Novas teorias, dizem que o cão Terrier foi trazido nos navios que faziam as navegações para a América e ao desembarcar misturavam-se com os cães nativos, nessa história pode Ter surgido o Fox Paulistinha.

CARACTERÍSTICAS

Como já foi publicado em outros textos aqui no blog, o Fox P. ganhou nomes diferentes nas várias regiões do Brasil, como Foguinho em MG, isso devido a diversidade de cultura do nosso país.

O cão Paulistinha lembra um pouco o Fox Terrier em suas formas. O Fox Paulistinha é um cão muito apreciado pela atenção que ele sempre disponibiliza a todas as pessoas da família e a forma como se apega ao dono.

TEMPERAMENTO

O Fox Paulistinha sempre desconfia de estranhos, é extremamente curioso, os adestradores dizem que é um cão que aprende com facilidade, mas ele tem um espirito aventureiro, independente e isso da um pouco de trabalho em relação a disciplina. A raça vive bem em apartamento, mas você deve fazer passeios regulares

Contamos um pouco da história do Fox Paulistinha, mas gostaria que você falasse um pouco de sua experiência pessoal na criação do F. Paulistinha.

Veja também esse vídeo, ele apresenta bons exemplares da raça Fox Paulistinha.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------
56 Comentários »

56 comentários

  1. Anonymous disse:

    amo meu kizar ele e tudo pra mim gostaria de pode dar muito mas pra ele pois ele e tudo em minha vida e muito inteligente e muito carinhoso adora brincar….amo vc

  2. Vânia Barcellos disse:

    Em janeiro de 2008 adquiri um fox que coloquei o nome d Verinha. Era um cão bastante ágil, inteligente, mas como vc disse, independente. No dia 04 de dezembro de 2009 o portão automático de minha residência se abril sozinho e ela fugiu. No dia seguinte, coloquei cartazes procurando por ela. Uma semana depois, um vizinho me ligou informando que (leu o cartaz) a viu morta em frente a sua casa, acreditando ter morrido atropelada. Tenho muitas saudades dela. Moro em Manaus, e aqui é um pouco escarsa a criação e sempre que vou nas feirinhas de cachorro não a encontramos pra vender. Gostaria de comprar, mas sei que pela Internete sai muito caro o transporte, afinal, moro em Manaus. Abraços.

    • joao batista disse:

      Vania;

      Somos criadores e selecionadores, estamos localizados no MT, vc tem preferencia por macho ou femea?Posso ver nas ninhadas te envianhar,filhote.

  3. Anonymous disse:

    tenho 2 fox paulistinha o GURI ea TICA adoro eles, pois quando chego em casa fazem a maior folia além do mais cuidam da casa. quando me sento para tomar chimarrão ficam na volta.

  4. Anonymous disse:

    Tenho uma Fox Paulistainha, a Ludmila. Além de ser obediente, inteligente e educada é extremamente carinhosa. Foi o presente que mais gostei em toda a minha vida.

  5. Fabiana disse:

    eu tenho um fox paulistinha,ganhei do meu marido eu fiquei muito feliz mais ele ta dando um trabalho pra agente o nome dele pingo e ele tem apenas 2 meses….
    mas fora isso estou muito feliz sempre quis um cachorro desde pequena….
    ate quando ganhei essa coisa fofa…
    que eu amo muito…abraçs….

  6. viviane disse:

    Eu gostaria de fazer uma pergunta, o fox´tem na cor marrom? Pois ganhei um e me garantiram q é fox paulistinha, mas estou na dúvida.

  7. Keila bióloga disse:

    Eu achei uma fox paulistinha na rua de minha casa muito magra e doentinha…cuidei dela e nem esperava que a mesma estava gravida, pois é ela ganhou 5 bbs 3 machos e duas femeas e são purissimos tds branco, preto e com pintinhas marron na cabeça.
    Ela é otima vou ficar com ela e com 1 dos bbs… e se deus quiser vamos ser muito felizes…
    abraços a todos

  8. Anonymous disse:

    Até que idade cresce o fox paulistinha?

  9. Emmanuelle Maia disse:

    Tenho a minha Lola há 5 anos (nos foi dada ainda bebê por um senhor cuja esposa tinha alergia a cães) e ela só me dá alegrias. É uma raça ótima, carinhosa, e ao mesmo tempo atenta aos estranhos, late bastante para as pessoas que não conhece. Não tem problemas com doenças e é bastante resistente. Vcs acreditam que ela foi atropelada por uma Hilux e só teve uma fratura? Agora está plenamente recuperada e alegrando nossas vidas. Gostaria de adquirir mais um cachorro dessa raça, mas não sei onde comprar aqui em Manaus. Agradeço as dicas.

  10. Anonymous disse:

    tenho um Fox Paulistinha q se chama Boby (sei q nao tem y nem i + coloquei o y com a impressao de ficar + fofo)o q eu nao entendo do Boby,é q todo dia sem faltar 1 ele me espera levantar pra dar comida pra ele.acho q é pq todo dia depois da comida tem o adestramento se ele fizer tudo direitinho tem a recompensa de uma raçao especial para Fox Paulistinha importada q pro Boby parece muito gostosa.enfim,tenho 1 pergunta:o Fox Paulistinha pode comer carne?

  11. Consbio - Consultoria disse:

    @Anônimo- Até o momento não temos nenhuma informação contraria ao consumo de carne por cães da raça fox paulistinha.

  12. Anonymous disse:

    Em pouco tempo encontrei um cãozinho filhote na rua me apaixonei por ele e eu o adotei, estou desconfiando que ele é terrier Brasileiro. Pois a maioria das caracteristicas descritas dessa raça ele apresenta. Mas levei ao veterinario e ele me disse que meu cão é mestiço de pincher. Tenho um pincher adulto e ele não se parece nada com o meu filhote, vai apresentando diferenças ao decorrer do seu crescimento. Amo Fox Paulistinha. Tinha uma femea, ela era muito companheira e leal. Ficaria muito feliz se meu filhote for fox paulistinha.

  13. Anonymous disse:

    Adotei um fox!! Estava bem magro e mal cuidado, com muito medo… agora já esta lindo e me ama muito!!! Foi a melhor coisa que eu fiz na minha vida, amo "meu filho"!! Meu marido não queria cachorro em casa e hoje dorme com ele e compete comigo pela atenção dele. Meu bebe é educado, obediente e extremamente carinhoso!
    Adotem!! amigo não se compra!!

  14. nicolas disse:

    Nicolas

    Eu tenho uma cadela muito amada,valente,com-
    panheira e com muito extinto de caça e de
    guarda.
    Ganhei ela com 2 anos e ela tinha 1 ano, já se passaram 10 anos.
    Não tenho palavras para descrevê-la, mais eu amo d +,e a considero uma pessoa da familia.

  15. Anonymous disse:

    Pôxa… Eu tinha um, chamava-se Hamlet. Era adorável, muitíssimo inteligente e educado, era a atração de adultos e crianças da minha rua. Em Janeiro de 2010 mudei para Manaus, e ele ficou em Minas, sob os cuidados de minha irmã. Dois meses depois ele morreu "de saudades", creio. Toda vez que lembro disso eu choro, não pude trazê-lo comigo. Ano que vem vou a São Paulo. Tentarei comprar um por lá…

  16. Anonymous disse:

    Tenho uma cachorrinha Fox Paulistinha ela se chama Luna é muito terrivel, come tudo qui ve pela frente e morde muito minha filha, gostaria de saber si ela vai ser sempre assim ou si com o passar dos anos ela si acomoda pois ela é terrivel, so tem 5 meses.

  17. Consbio - Consultoria disse:

    Olá Anônimo@ – Todo filhote é assim e esse comportamento pode durar mesmo depois dele se tornar as adulto. Você pode começar um adestramento, dando as orientações iniciais.

  18. CARLOS ROSA FOTÓGRAFO disse:

    Possuo um fox paulistinha que eu amo muito,pois é muito amigo, sempre quando
    chego do trabalho ele me pede carinho, pela manhã quando ele acordo, fica esperando na porta para eu abrir o portão para dar uma
    voltinha na vizinhança.
    Eu te amo muito toquinho, pois você é meu melhor amigo.
    Carlos (fotógrafo)

  19. Anonymous disse:

    meu fox paulistinha , ele é muito ativo , desconfia muito de estranho, é bem carinhoso , inteligente,brincalhão,e passeio pouco com ele , mais ele é bem docil e VALENTE , hehe

  20. Anonymous disse:

    Olá, eu tenho 1 fox paulistinha que ganhei do meu professor da faculdade. Ele já tinha 7 anos quando o ganhei, e até pensei que por já ter uma idade avançada não se acostuaria comigo…me enganei!!! Sou apaixonado por ele, e vice-versa, ele se chama Pipo (nome dado pelos antigos donos), é meu companheiro, passeamos juntos, caminhamos, vamos a festas de familia e até viajamos juntos.
    Sou Alexandre R. Silva de São José do Rio Preto – SP

  21. Kelly Meneses disse:

    Queria muito um cachorrinho… mas qualquer cachorrinho de porte pequeno, pois moro em apartamento. MAS estava vendo as raças shitzu, yorkshire, lhasa… Meu namorado disse pra pegar uma fox paulistinha, pois é uma raça alegre, brincalhona, e resistente. Vi no jornal o anuncio de uma fox paulistinha, fui lá e adotei. Hoje é minha filha terrível chama-se Jadde. Corre como uma louca, late muito, gosta de destruir brinquuedos de pelúcia, ela não pára muito elétrica. Linda, esbelta e muito amada, pois tem pais que fazem de tudo por ela, tem várias camas, brinquedos, come da melhor ração, passeia bastante… é minha filha, chamo tantO ela de Filha que as vezes ela nem atende por Jade. Essa raça é muito companheira e carinhosa. Adotem.

  22. Judenantes disse:

    Eu tenho um casal de fox paulistinhas e – meu Pai eterno!!! – como são bagunceiros!!! Kkkkk. Quem quiser ter um desses, saiba que é um animal de MUITA energia e disposição.

  23. alessandra siva[sao jel] disse:

    adorei explicou oque eu queria saber sobre meu bêbe~.bejos alessandra

  24. Mercedes Monteiro disse:

    Bom dia, moro no Rio de Janeiro e adotei um fox paulistinha de um abrigo. Ele na época já contava aproximadamente uns dez anos, conforme observação da veterinária. Estou com ele há um ano e oito meses e sou completamente apaixonada. Ele, embora já idoso, é alegre, interativo, brinca, me faz companhia até a hora que vou dormir, e às vezes é tarde…. fica só em casa comportado, enfim, foi um anjo que chegou em minha vida. Estou muito grata e feliz por tê-lo adotado. Gostaria de testemunhar que adotar um cão idoso, ao contrário do que a maioria pensa, é extremamente prazeroso, eles são gratos comodificilmente um ser humano possa ser. O nome do meu cãozinho é Dengoso. Abraços. Mercedes

  25. Roni Edson disse:

    Tinha uma cachorra Labradora Branca, chamava-se Laime, morreu á quatro meses, agora estou pensando em ter um novo cachorro, adoraria cuidar de um Fox Paulistinha.
    Se voce tem, ou conhece alguem que queira doar, me mande um e-mail.
    Ficarei eternamente grato.
    Moro em São Paulo-SP.

    • maxwel disse:

      Olá Roni
      Você pode acelerar esse processo fazendo uma busca nas entidades que cuidam de animais abandonados em sua cidade.

  26. Myranna Costa disse:

    Oi Ganhei uma cachorra Fox Paulistinha do meu esposo na ultima sexta feira, ela se chama Mel de tão doce que ela é um amor de criatura super brincalhona e tem apenas 52 dias de vida, mais eu estou com um probleminha ela quando quer fazer suas necessidades faz em qualquer canto da casa não sei mais oq fazer pra mudar isso vcs podem mim ajudar?

  27. elenilza disse:

    Boa Noite!
    Meu marido ganhou um cahorro e nem sabia que era fox paulistinha se eu soubesse que a raça era assim nem deixava ele pegar o nome dela é hanna mas ela é terrivel de levada! mas amavel aonde eu vou ela vai atras e ela tem ciumes, nao deixa meu marido e nem meu filho chegarem perto de mim e vise e versa as vezes ela me tira do sério pois e muito ativa corre pela casa da cada pulo do sofa nossa ela é demais mas meu marido e meu folho amam muito ela.

  28. claudia vieira disse:

    gostaria de ter um fox paulistinha,mas não sei se seria indicado para meu filho de 3 anos e se ele ficaria latindo muito enquanto vou trabalhar?

    • maxwel disse:

      Olá Claudia
      O fox paulistinha é um cão muito ativo, mas com baixo índice de agressividade, quanto ao latido..como ele é agitado pode gerar alguns latidos, entretanto se esse for o principal problema existem raças mais silenciosas.

      • Carolina disse:

        eu gostaria de saber se o fox paulistinha cresce muito?
        pois é minha primeiro vez q adquiro um…
        obg!

        • maxwel disse:

          Olá Carolina
          O fox Paulistinha não cresce muito, é uma raça de cachorro porte pequeno/médio, tamanho máximo dessa raça é aproximadamente 15cm abaixo do joelho de uma pessoa adulta que tenha 1,60m.

  29. Fran disse:

    bom dia.
    adorei seu comentário sobre o fox paulistinha,acabei de adotar uma da rua o nome dela é tiquinha,é toda preta.
    meu esposo a resgatou da rua, ela está muito magra,também foi um presente que deus me deus, pois já tenho uma poodle preta também adotei da rua o nome dela é ptty….mas tem minha outra filhota a toquinha que é uma agapornis……minha casa é um verdadeiro zoologico

  30. HENRIQUE disse:

    onde trabalho tem 3cães da raça;sendo pai ,mãe e filha . afilha ,porém bem tratada vive pegando galinha , franguinhos até ganso.o que fazer?

  31. André disse:

    Tenho uma fox à chamamos de MENINA a coisinha mais linda, quando chego antes de mesmo de desligar o carro na porta de casa ele já corre para porta fazendo a maior festa.

  32. nayara almeida disse:

    eu ganhei a fox paulistinha de presente de aniversario ..ela se chama pedrita
    realmente é uma cachorrinha mto fofa, carinhosa…moro em apartamento ela é quem me faz mta companhia

  33. angela rocha disse:

    tenho uma fox paulistinha e sou apaixonada por ela e tudo de bom amo amo eamo.

  34. Rose disse:

    Eu e meus filhos ganhamos uma fox, ela e adoravel mas e um pouco agitada o que devo fazer?

    • maxwel disse:

      Olá Rose
      Não dá para alterar muito isso, faz parte da personalidade de seu cão. Seria bom preparar o ambiente para que seu cachorro possa gastar energias e não causar estragos, como nesse exemplo: Cães agitados

  35. rosangela nonato disse:

    Shalom!!!
    Amados(as)
    Gostaria de ajuda, pois , herdei um fox paulistinha do meu neto, ele é mto possessivo, ainda faz a suas necessidades em casa, está 1 ano e meio. Ninguém pode vir na minha casa, pois ele avança. Levo na rua 2 vezes ao dia.Mexe em tudo, qdo fica sozinho destroi tudo. Já tentei adestrá-lo mais não adiantou mto. Moro em apartamento. Quem puder me dar uma dica agradeceria. Diante de tudo isso sou apaixonada por ele, mas meu filho e meu marido perdem a paciência com ele e fico triste.
    Alguém me ajuda!!!!!. Pode divulgar o meu e-mail para sugestões.
    Bom dia! Rosangela.

    • maxwel disse:

      Olá Rosangela
      Primeiramente queira desculpar a demora pela resposta, há uma demanda muito grande. Tratando do seu assunto, se quando você refere as necessidades quis dizer fisiológicas, no nosso menu do topo abordamos o assunto e direcionamos para outro links onde você poderá encontrar mais dicas, no que se trata da agressividade, penso que o seu cão pode estar estranhando as pessoas novas e o ambiente, acredito que tentar familiarizar seu cão seja a melhor saída para que ele não tenha comportamentos deste tipo, neste link demonstramos um vídeo onde o cachorro em questão demonstra ser agressivo com todos que se aproximam, o adestrador mostra como fazer para mudar ou pelo menos minimizar isso. Se tratando da destruição dos móveis em casa, ofereça opções para seu cachorro distribua brinquedos pela casa, isso pode desviar a atenção dele para outros objetos e tente incentiva-lo a usar os novos objetos, brincando com ele e recompensando com sua atenção quando ele estiver fazendo a coisa certa. Realmente adestrar um cão requer de nós muita paciência e é um processo por vezes repetitivo a até alcançar os resultados, recomendo a ajuda de um profissional em adestramento, para que possa lhe acompanhar e apontar com mais precisão o seu caso, cães fox paulistinha são muitos inteligentes e elétricos, por vezes teimosos por conta de seu “espirito independente”…entretanto não é nenhum obstáculo intransponível.

  36. Brasileira disse:

    Gente, por favor, nao comprem, ADOTEM!!!

  37. Paula Neves - Recife/PE disse:

    Olá gente,acabei de ler vários comentários e achei uma graça. Eu tb tem um fox paulistinha e o nome dele é Zac, ela é uma pimenta rsrsrs mas é muiito lindo, a 1ª dono dele só passou 1 mês com ele porque não aguentou, aí ela me deu eu amei, mas em compensação… ele chegou pra mim com 3 meses, e até completar 1 ano me deu muito trabalho, rasgou meu sofá, aí eu não liguei muito porque já iria cobrir o sofá, mas ele também comeu 4 pares de sapato, 3 pares de sandálias e sem fala que ele abria a porta dos armários da cozinha e tirava tudo de dentro, contando assim ninguém acredita, mas hoje com 2 anos 3 meses ele já é mais educado, pois o veterinário disse que ele só iria entender os comandos apartir de 1 ano, graças a Deus esse 1 ano já chegou e ele esta melhor, continua agitado mais é muito carinhoso e quando chego em casa falta pouco falar de tanta alegria. Amo meu neném o fafadinho de mamãe.

  38. Natália disse:

    Ola sou nate o meu fox é lindo e diferente de todos os outros que já tive

  39. gera disse:

    tenho uma fox so que ela eu acho que tem uma mixtura com outra raça ela tem alguns centimetros a mais que o fox original + ela tem o comportamento todo de um fox paulistinha eu estou um pouco triste porque estou me mudando para um outro lugar ande nao vou poder levar ela so que nao quero dar para estranho fico comedo de nao cuidarem bem dela assim como eu e minha espoza cuidamos,quando eu for me mudar p um apartamento nao c i o que vou fazer com ela minha espoza nao quer dar ela para estranho tenho medo que ela com outro dono ela seja maltratada,ja estamos muito apegada a ela,realmente ela e mto escandaloza quando chega alguen estranho em ksa,ja tenho algumas pessoas q querem ela + estou vendo com a melhor pessoa deixar.

  40. Jane disse:

    Ola,
    Meu fox é o Billy e tem 3 anos
    Ele nunca ficava muito tempo sozinho em casa.
    Por eu ter me separado do meu marido, Billy passou a ficar o dia inteiro sozinho no quintal do fundo.
    Em dois meses ele passou a ter convulsões, a coisa mais horrível que uma pessoa pode ver.
    Em um só dia eu o vi ter três convulsões.
    Leve-o no veterinário e ele está tomando remédio duas vezes por dia, é muito triste…
    Ele está bonzinho, brincalhão como sempre, mas rasgou meu sofá, coisa que não fez nem quando pequeno.

  41. Nathália disse:

    Oi gente! Adotei um fox paulistinha chamado Peter, quase desisti dele na primeira semana pq não comia, troquei duas vezes a ração e depois de muito Colinho ele se acostumou. Hoje é um dengo só, e bravo com estranhos. Já veio adestrado, então só destruiu uma havaiana do pai kkkk
    Nosso filho é lindo, carinhoso, muito curioso, ama cenoura crua, valente e amado!!!

  42. Nathália disse:

    Maxwel, poderia me esclarecer só uma dúvida. Quando meu marido chega do trabalho ou saímos juntos que voltamos ele fica tão alegre e excitado com nossa presença que si mija todo e fica com batimento cardíaco mega acelerado, tenho medo dele infartar. O que podemos fazer? Hoje abaixados segurando ele no chão, fazermos carinho e falamos com ele com voz baixa e tranquila, mas ele mesmo assim não se acalma tão cedo.

    • maxwel disse:

      Olá Nathália, primeiramente desculpe a demora, infelizmente por problemas pessoais os comentários foram se acumulando impedindo a resposta de muitos. Quanto a sua pergunta, parece claramente um problema de ansiedade, acredito que algumas medidas podem melhorar ou até solucionar esse problema. 1 – Adestramento pode fazer a diferença, simular a saída e retorno com espaço de tempo reduzido, aumentando progressivamente o tempo de ausência, pode ensinar ao seu cão que não há problema em você sair… que sempre retornará, fazendo isso repetidamente acrescentando progressivamente mais tempo e acalmando-o como você já faz. (caso ocorra dificuldades recomendo um adestrador) 2 – Tente deixar algo que lembre a sua presença para ele, como uma camiseta usada, para que sinta seu cheiro. Isso pode diminuir a ansiedade, pois psicologicamente você estará presente. 3- Tente deixar o ambiente mais rico, para que ele se divirta com brinquedos e esqueça que você esta ausente. 4 – Uma ajuda veterinária seria interessante, há ações medicamentosas (se for o caso) que podem controlar a ansiedade, e outras orientações que certamente receberá. No mais agradeço seu contato, desejo sucesso, desculpando-me pela demora mais uma vez. :-)

Faça um comentário